Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

"A cabras e ladrões só se lhes diz o caminho uma vez..."

 

Se ficam chateados quando são visitados pelos animais domésticos dos vossos vizinhos que teimam em marcar território e adubar o jardim, imaginem serem invadidos por mais de 100 cabras tresmalhadas profissionais no corte de relva sem uso de ferramentas!

 

HD Cabras invadem vizinhança.jpg

(fonte da imagem: https://www.bostonglobe.com/news/nation/2018/08/03/dozens-ravenous-goats-appear-boise-neighborhood-and-chow-down-gardens-lawns/JYdEjlHJiFIK5kSsLoKhwN/story.html)

 

118 cabritinhas às manchinhas escaparam dum curral de moinas e decidiram cumprir as imposições governamentais de limpar as matas e jardins mal tratados...

 

Os moradores que nunca tinham visto tantas cabras juntas num relvado (sem contar com os festivais de verão...) ficaram satisfeitos com o trabalho realizado e rescindiram imediatamente contrato com os seus jardineiros clandestinos que regressarão agora ao seu país de origem para iniciar a construção de um muro...

Nesta época de verão, testemunhamos churrascadas nos mais inóspitos lugares e para mal dos nossos azares... basta estar vivo, para aturar, famílias barulhentas, a importunar, mesmo aqueles que já não se podem queixar!

 

HD Churrasco num cemitério.jpg

(fonte da imagem: https://www.indy100.com/article/barbecue-cemetery-yorkshire-gravestones-church-bbq-8455096)

 

Uma fumarada descontrolada de entrecosto e minis geladas teve palco num cemitério e entre os cabeças-de-cartaz figuravam 3 adultos e 7 crianças, para atiçar as brasas... da vizinhança!

 

Os vizinhos revoltados por não terem sido convidados confrontaram os hereges de calções beges sobre a falta de respeito de estarem profanar um espaço sagrado.
A resposta que obtiveram foi um olhar de luto e um silêncio sepulcral...

Enquanto temos de esperar mais alguns dias para ver a horrível decoração de Natal dos nossos vizinhos voltar para a caixa onde nunca deveria ter saído, segue-se um exemplo de originalidade na aderência que pôs toda a vizinhança a ligar para a linha de emergência...

 

HD Boneco de Natal pendurado origina chamadas de e

(imagem: https://tribkswb.files.wordpress.com/2017/12/capture5.jpeg?quality=85&strip=all&w=770)

 

A polícia e os bombeiros foram chamados várias vezes para prestar socorro a um boneco pendurado no telhado que enganou toda a gente sem queda para as decorações de Natal...

 

Os agentes da autoridade até acharam piada à ideia e não obrigaram o dono do boneco a retirar a decoração que continuou a deixar os curiosos cada vez menos astuciosos...

Um velhote que ainda gosta de olear o serrote foi multado por ouvir pornografia demasiado alto!

 

ktbl-dirty-old-man12.jpg

 (imagem https://1.bp.blogspot.com/-HhgVfU0HOy0/U7uBp4Av2rI/AAAAAAAAvgw/da7t4xZgpIE/s1600/ktbl-dirty-old-man12.jpg)

 

Com 75 anos, viúvo, terá de pagar 100 euros por partilhar a sua falta de audição com a vizinhança...

 

Em tribunal, chegou a argumentar que o som nem sempre era de pornografia mas também de encontros casuais com prostitutas (obviamente muito astutas e invariavelmente afónicas no final do serviço ao domicílio)

 

Os vizinhos confirmaram que o volume estava tão alto que, quando as esposas queriam soprar no trombone, eles tinham mostrar o seu agrado... com um megafone!

Ver uma velhinha com uma lata na mão, não quer necessariamente dizer que está a pulverizar as baratas que percorrem o muro da sua vizinhança... DUM DUM*

 

slider_0.jpg

 (imagem https://ec.europa.eu/epale/sites/epale/files/slider_0.jpg)

 

Detida aos 86 anos por vandalizar uma parede do Banco Nacional Suiço!

 

Apesar de a escrita estar um nadinha tremida (Parkinson?), a mensagem "Dinheiro para Armas Mata" simbolizou o protesto de um grupo pacifista encabeçado por uma octogenária com muita pinta!!! 

 

*Lembro-me de uma senhora velhinha que costumava pulverizar frinchas e pequenas aberturas nas paredes. Certo dia, quando ouvi o 'psssssssss...' estranhei o facto dela não estar a apertar o atuador da lata. Quando me aproximei, era tarde demais para perceber que aquele cheiro, apesar de intoxicante, não era insecticida...