Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Os protestos em Minneapolis, resultantes do horrendo homicídio de George Floyd, causaram inúmeras dificuldades nas famílias donas de pequenas lojas que foram destruídas indiscriminadamente.

Também causaram um ontem apagão nas redes sociais. Por vezes, só conseguimos sair das trevas quando não temos luz (no smartphone), nem uma tocha acesa nas mãos...

A destruição atingiu vários blocos contíguos à esquadra de polícia da cidade.
Teorias de que possa ter sido incitada por apoiantes da supremacia (da Casa) branca, são tão credíveis como uma esperança que o racismo jamais irá sufocar com o joelho...

A solidariedade e entreajuda na comunidade, são a base oculta de uma revolução aclamada que tem sido quase igualmente tele visionada...


(fonte da imagem: https://www.insider.com/minneapolis-food-drive-middle-school-community-donations-2020-5

As crianças do Ensino Básico de uma escola em Minneapolis, fizeram um pedido de angariação de 85 kits de alimentação e receberam vários milhares de donativos que vão entupir todos os abrigos...

A entrega de alimentos criou longas filas de trânsito até à entrada da escola.
Criou igualmente laços entre pais que buzinaram na multidão. Somente para serem reconhecidos por outros que desvendaram a sua identidade, ao segurar a máscara na mão...

O kit de alimentos pedido era composto por pão, cereais e maçãs!
Receberam toda a diversidade inimaginável, incluindo detergentes para todos os gostos.
Ainda há quem goste de dar, limpar e ajudar a lavar toda a porcaria que os outros fazem...

Ao terem conhecimento das carências e dificuldades de algumas crianças, vários pais disponibilizaram-se igualmente, para dar abrigo a quem ficou sem teto.
Os responsáveis da escola agradeceram, mas não tinham recebido nenhum pedido de famílias que ficaram sem-abrigo. Depois dos protestos, ainda não...

Durante o confinamento, o distanciamento social era quase total!
À exceção entre os familiares que partilham o mesmo lar e a mesma vontade que os restantes membros se distanciem, para fora de casa, o máximo de tempo possível...

O distanciamento fora de portas, para dentro de outras portas que estiveram fechadas, confia na tecnologia para nos manter longe do vírus e cada vez mais longe de uma presença humana...

O salto tecnológico veio aterrar em cima dos trabalhadores menos qualificados e, para mal dos seus pecados, não tardará a levantar voo sem qualquer tripulante... 

Se antes da pandemia, era uma companhia de frequência, a robótica é agora a ciência mais distante dos centros de emprego...


(fonte da imagem: https://cyprus-mail.com/2020/05/26/south-korean-cafe-hires-robot-barista-to-help-with-social-distancing/)

Um café sul coreano vai passar o resto do ano, a contar com um robot barista e com menos um funcionário em vista, com o resto dos dias contados...

O robot janota 'toma nota' dos pedidos, faz mais de 60 cafés diferentes e traz as bebidas para as mesas dos clientes que agradecem com um sorriso, para o respetivo smartphone...

Pode receber e processar informação diretamente de clientes, gerentes e outros robots nerds que ocupam funções de back-office...

A disposição das mesas e os sensores integrados, permitem que o 'robotecado de mesa' calcule a distância, faça o atalho e não atropele ninguém, para além de quem já nem precisa de usar máscara no seu trabalho...  

Até ao fim do ano, mais 30 colaboradores com motores incorporados, vão ser introduzidos na mesma cadeia de restauração que assegura que não irá despedir nenhum trabalhador humano, responsável por os programar e ligar à tomada...

Reabrem hoje os restaurantes em Portugal!
Podemos finalmente usufruir de uma refeição de eleição, mediante marcação e a eventualidade de o espaço cumprir os requisitos de saúde e funcionamento ativo...

A lotação será de apenas de metade da capacidade do estabelecimento!
A outra metade está reservada para o coronavírus, durante período indeterminado...

Os proprietários começaram a preparar a reabertura na semana passada.
Os funcionários treinaram arduamente o novo serviço de mesa, com ensaios de lançamento de pratos, travessas e recolha de material radioativo...

Para garantir o distanciamento no seu interior, os donos têm confiado totalmente no sentimento de pânico e medo generalizado que enche as carteiras de todos os clientes...


(fonte da imagem: https://www.fox13news.com/news/south-carolina-restaurant-uses-blow-up-dolls-to-enforce-social-distancing-between-tables)

Um restaurante elegante colocou bonecas insufláveis para ocupar os lugares vazios que apenas poderiam ser ocupados por fitas amarelas, cordas ou autocolantes pagantes...


As bonecas foram encomendadas numa loja de produtos eróticos ‘online’!
Segundo o chefe de compras, tiveram vários problemas com as entregas. Muitas bonecas nunca chegaram ao restaurante e apareceram em moradas de entrega erradas, como a sua casa...

Os empregados de mesa, apenas ao perto conseguem diferenciar as bonecas dos clientes. Revelaram algumas dificuldades iniciais, mas confessaram que o truque para os distinguir é certificar se existem ou não smartphones em cima da mesa...

No dia da inauguração registou-se alguma confusão. Alguns clientes saíram de mão dada com as esposas, o que denunciou uma tentativa de roubo de material exposto reservado unicamente para o consumo da casa...

O Pug é uma raça de cães muito apreciada por quem adora peluches. Vivos!
Parecem bebés: têm muitas pregas, uma carinha inocente e babam-se... como adultos!

Esqueçam lá isso! A ressonância magnética de um pug examinou a reação da internet que ficou embasbacada, ora divertida ora profundamente assustada...


(fonte da imagem: https://www.diply.com/105940/pugs-mri-scan-is-creepy-funny-and-also-a-sad-reminder-of-damagin)

Se não conseguirem dormir hoje, depois de verem esta imagem, podem continuar a culpar as insónias ou 'a comida de cão' que passamos a ingerir depois das festas de fim de ano...

A ressonância comprova que a massiva criação desta espécie tem alterado negativamente a saúde dos animais. Mas, como continuam muito adoráveis, ninguém se tem apercebido que sua face está cada vez mais pequena. Talvez por aparecerem nas fotos dos nossos smartphones, com uma t(r)ela cada vez maior...

A internet é como um galinheiro: há meia dúzia de galos que cobrem milhões de galinhas que vão chocando os seus ovos, enquanto não desistem e acabam por os comer...

Os pequenos pintos não estão preparados para serem bicados antes de chegarem à idade adulta e a realidade do seu mundo de trabalho passa quase sempre por um contrato precário, num talho!


(fonte da imagem: https://www.vice.com/amp/en_asia/article/9ke8xd/indonesian-mayor-wants-give-out-chicks-primary-school-students-combat-smartphone-addiction)

Um governante na Indonésia pretende oferecer pintaínhos a jovens estudantes, para que deixem o smartphone na mochila, junto aos livros que pouco leem...

A iniciativa foi bem acolhida por toda a população, principalmente pelas mães galinha!

Os jovens que conseguirem criar as crias até à idade adulta serão premiados com powerbanks cursos de culinária especializados em fricassê de frango, canja e cabidela...