Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

No dia do casamento, as atenções devem-se centrar apenas nos noivos!
Mas como nós sabemos, há convidados descarados que não perdem a ocasião para mostrar ao fotógrafo, o quão felizardo ele é, por poder substituir todas as selfies que aparecem sem convite...

Desde vestidos e fatos coloridos, a sapatos mal esculpidos, todas as razões servem para se destacarem daqueles que apenas desejam a felicidade... para os noivos!


(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/man-arrives-wedding-six-pregnant-23066370)

Uma celebridade nigeriana, mostrou que sabe dar cana, ao aparecer num casamento de um amigo, com 6 acompanhantes de umbigo, muito distante das suas costas...

Mike Eze-Nwalie Nwogu, dono de um clube noturno na Nigéria, afirmou ser pai das crianças, cujas mães praticaram as mesmas danças no seu varão, nas festanças das suas discotecas...

As 'amigas de aluguer' compareceram vestidas de prata, enquanto o pai decidiu usar uma cor mais chata que passa indiferente quando deitado numa travessa de marisco...

A fila para a casa de banho era digna de um festival de verão e todas as mulheres fizeram questão de perguntar umas às outras se o centro de saúde da freguesia, não devia voltar a ter o planeamento familiar... 

Assim que chegaram ao evento, já ninguém se lembrou estar num casamento!
O convite não era para um baby shower, mas muitos convidados tiveram a iniciativa de enrolar a respetiva fralda para não apresentarem um bolo de calças com demasiado recheio...

Em plena pandemia, por vezes esqueço-me que as pessoas têm uma cara por detrás da máscara!

Ainda me conseguem arrancar uma gargalhada abafada, sempre que entram em algum local e dizem que se esqueceram da máscara. Não vá alguém dizer o contrário...

Felizmente, a distância social tem uns elásticos maiores que a máscara e nos impede de sentir um odor epidémico tão nocivo como o vírus...


(fonte da imagem: https://eu.usatoday.com/story/money/food/2020/10/14/hormel-black-label-bacon-face-masks-giveaway/3653043001/)

Uma empresa americana lançou no mercado uma máscara respirável com cheiro a bacon que garante um perfume a porco mesmo a quem tem um bafo de cavalo...

A ideia convenceu alguns americanos a começarem a usar máscara. Pelo menos até à hora do churrasco...

A distribuição do artigo tem provocado muita curiosidade, não só em humanos como em animais!
São vários os relatos de carrinhas de transporte perseguidas por multidões que salivam por meter o nariz onde... as máscaras estão embaladas!

O produto levanta muitas dúvidas entre a indústria de saúde e os consumidores.
Muitos se recusam a usar uma proteção aporcalhada que consegue mascarar completamente o cheiro a cebola e a alho...

As máscaras são reutilizáveis, mas correm sérios riscos de se tornarem descartáveis!
Depois de ingeridas, mastigadas e defecadas como paraquedas. Em queda livre para as sanitas...  

As consultas médicas por telefone vieram para ficar!
Pelo menos, enquanto as taxas moderadoras forem mais económicas que o preço da mensalidade das telecomunicações...

Ser consultado sem ter o olhar atento do médico pode ser estranho!
Principalmente, para quem nunca reparou que os médicos têm a nossa foto na ficha médica. Daí não terem necessidade de desviar o olhar do monitor do computador...

A minha última consulta médica por telefone, ainda durante a quarentena, deixou-me com plena confiança no SNS. Só um profissional de saúde seria capaz de me ligar, a perguntar se estava bem...


(fonte da imagem: https://www.dailystar.co.uk/news/weird-news/hospitals-could-soon-diagnose-heart-22568676)

Os hospitais conseguirão, brevemente, detetar doenças cardíacas através de selfies que os pacientes poderão enviar, juntamente com uma descrição patética que já ninguém tem paciência para ler...

Um algoritmo avançado será utilizado para medir alguns desvios sintomáticos na face dos doentes e conseguir concluir se padecem de alguma forma de insuficiência cardíaca.
Enquanto a fase de testes não está concluída, somente é possível inferir se a pessoa está mais feia e enrugada que na memória do Facebook de anos passados...

De momento, pela análise duma selfie, os médicos apenas conseguem determinar que os pacientes têm muita falta de atenção e excesso de tempo livre...

O eletrocardiograma será em breve extinto e reduzirá abruptamente as consultas presenciais de doentes que teimavam sentir-se mal várias vezes ao ano, para poderem ser barrados com aquele gel gelado e ser-lhe aplicadas ventosas que doem um bocadinho ao descolar da pele... 

O balanço dos dias de hoje, é feito num baloiço lento que tanto sobe ao sabor do vento, como estagna em ‘suspense’ à espera de um empurrão pela mão de quem confiamos...

A saúde não se resume a perdermos uma discussão sobre quem tem mais maleitas e menos receitas para poder aviar as prescrições médicas...

O estado mental da população mundial é o único festival que todos estamos a comparecer!
Cada um no seu lugar a escutar o mesmo 'cabeça contra o cartaz'...

Depressões aos milhões e as pontas dos dedos a contar os tostões!?

As palmas e os dedos detêm segredos que não devem chegar às multidões...


(fonte da imagem: https://www.gentside.co.uk/viral/a-90-year-old-has-been-caught-smearing-poo-on-children-s-swing-sets-in-a-bizarre-protest_art5732.html)

Uma avó de 90 anos, arrecadou o que ainda lhe vai saindo do ânus e foi apanhada a barrar os baloiços dum parque infantil, com uma matéria castanha, estranha e febril...

Não foi a primeira vez que a 'vovó cocó' passou uma cobertura escura em divertimentos de parques infantis!
Sempre que foi confrontada com a grotesca cagada, ripostou com uma pá a quem tentou impedi-la de trabalhar a sua própria argila...


As fotos captadas por habitantes locais, comprovam que nem usava luvas ou máscara!
O que resulta numa enorme propensão em poder apanhar o Covid-19, ao tocar nos baloiços...

Alegadamente, a nonagenária ordinária já havia tentado derrubar os baloiços. Mas como eles estavam bem presos ao chão, acabou por cagar (diarreia) na ideia...

Imagino as pobres crianças das redondezas, a tentar explicar aos pais, as manchas castanhas mal cheirosas até às estranhas:
— Mãe, desculpa por ter feito cocó nas calças! Suponho que tenho de voltar a usar fraldas, como a vovó...

A principal dificuldade em detetar surtos de Covid-19 é compreender porque é que as pessoas consideram a sua vida social mais importante que a saúde de todos...

Depois da proibição de festivais e ajuntamentos, ainda existem vários mandamentos lapidados em mentes quadradas. Notícias em todo o mundo, registam infeções evitáveis que não escolhem religiões, nem crenças saudáveis...

A tradição alimenta a cultura que perdura como uma vacina milenar...

Os negócios em família resultam sempre numa quezília, apenas sanada depois de gerações de falência e insolvência...


(fonte da imagem: https://www.buzz.ie/news/groom-dies-and-over-100-guests-test-positive-for-covid-19-after-wedding-in-india-376585)

Um noivo indiano contagiou mais de uma centena de convidados, depois de assegurar que apenas a morte pode separar marido, mulher e toda uma pobre província...


Alegadamente, já estava doente antes do casamento. Mas como em qualquer matrimónio martelado, ninguém fica chateado se o noivo está adoentado antes de cometer o primeiro pecado...

Faleceu 2 dias depois no hospital, sem chegar a ver o enxoval da sua mulher...

Como o corpo foi cremado, não chegou a ser autopsiado e comprovado o possível contágio!

A confirmação chegou em coro solene, num funeral onde compareceram todos os familiares e amigos. Inclusive aqueles que não tiveram a sorte de ser convidados para cumprimentar os noivos durante o casório...