Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

O Natal, mais do que qualquer outro feriado em que se come como se o Ano Novo só se celebrasse com as uvas passas fora de prazo e o champanhe morno, consegue aproximar todos os membros da família!
No meu caso, a maior aproximação foi a da minha barriga ao portátil...

 

Como oferecer meias, pijamas e pantufas de animais já é muito peúgas piegas, um homem resolveu oferecer um teste de DNA para toda a família fazer na hora da troca de prendas!!! 

 

HD Homem oferece testes de ADN para toda a famíli

(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/man-buys-entire-family-dna-13789963)

 

Como devem estar a suspeitar, o choque da surpresa resultou numa discussão mais acesa que a lareira e uma revelação digna de uma novela portuguesa de horário nobre...

 

Acabaram por confessar que um dos filhos não era do pai, mas sim de outro homem que aprovou as rabanadas da mãe ainda antes dela aprender a fazer o seu molho caseiro cujo segredo já não vai ficar só na família... 

Revelar às crianças que o Pai Natal não existe e é apenas o tio invariavelmente mais bêbado com uma barba que até nem lhe fica mal porque lhe tapa a maior parte da cara pode ser um momento tão traumático como para a tia que, todos os anos, tem de tirar o borboto ao casaco e fazer mais um buraco no cinto...

 

Dado a sensibilidade do tema, é preferível serem os pais a fazê-lo, para as crianças não o saberem pela capa do livro do Nilton ou ouvirem pela boca da mesma professora que lhes diz para não chucharem nos dedos...

 

HD Professora despedida por dizer aos alunos que o

(fonte da imagem: https://thehooksite.com/school-teacher-under-fire-for-telling-young-children-santa-isnt-real/)

 

Uma professora nos EUA estragou o Natal a dezenas de famílias, depois de revelar aos seus alunos de apenas 6 anos que o Pai Natal não existe (e que a fila no centro de emprego não é assim tão longa...)

 

A professora delatora foi imediatamente presenteada com o fundo de desemprego e uma viagem ao IEFP -Polo Norte- para rever a matéria e atestar a veracidade das suas fontes (de rendimento...)

"Tenho um casamento em breve e estou indeciso quanto dinheiro devo dar de prenda..."
O dilema existencial raramente fica devidamente fechado num envelope branco e é bem mais fácil quando os noivos definem um valor fixo perfeitamente ao alcance... dos seus delírios sonhos!

 

HD Pede 1500 euros a cada convidado para o casamen

(fonte da imagem: https://www.boredpanda.com/wedding-disaster-bride-asks-guests-1000-donation/)

 

Um casal harmoniosamente anormal pediu 1500 euros a cada convidado para um casamento que não se chegou a realizar por falta de convidados/dinheiro/o Papa?/arroz para lhes atirar aos olhos???

 

A noiva alucinada chegou a criar uma página para angariar fundos para o seu casamento, mas a resposta da internet foi um 'Boa sorte, eu te desejo o melhor psiquiatra do mundo!'

Seguramente, o Carnaval e o dia de S. Valentim não deveriam ser celebrados em dias consecutivos e a prova mais colorida desta insuficiência física é o facto de ainda estar a tossir purpurinas para o meu laptop...

 

Por isso, e apesar de já não haver muito tempo para comprar a prenda ideal para o dia de hoje, sugiro um presente... ligeiramente diferente!

 

HD Divórcio como prenda do dia dos Namorados.jpg

(fonte da imagem: https://i0.wp.com/alboenews.net/wp-content/uploads/2018/02/16030047_G.png?fit=959%2C462&ssl=1&w=640)

 

Uma empresa de advogados colocou um anúncio no Facebook de um concurso cujo prémio é um divórcio gratuito (apenas um pouco mais caro que a prenda e o jantar de logo à noite...).

 

No concurso, que já teve várias dezenas de submissões, era obrigatório explicar o motivo do pedido de divórcio!
Excetuando a lamechice cor de rosa generalizada, os cartões de amor panisguinhas, os chocolatinhos bem melados e as rosas vermelhas embalsamadas... não vejo outra justificação para alguém querer divorciar-se da sua cara (e bem cara!) metade...

O amor ocupa um espaço enorme neste blog e este conto cheio de fadas vem mostrar o lado mais estreito de uma relação que pode demorar muito tempo a ser consumida consumada...

 

HD 11 anos depois conseguem fazer sexo.jpg

 (imagem: https://1.bp.blogspot.com/-lC8kohStYhc/Wk1oTGI2kRI/AAAAAAABMOo/v4j7RBRzIEwQFEFCwQvKZqQa312J4OWXgCLcBGAs/s1600/Lee-Sutton-Rena-Kiser-My-600-lb-Life-New-Season.jpg)

 

Este casal de casa cheia conheceu-se há 11 anos e só depois de muitos cortes no amor à comidinha, conseguiu finalmente chegar à sobremesa que até faz perder peso...

 

O sexo é seguramente uma parte fulcral numa relação e nem a obesidade mórbida deve impedir duas criaturas da natureza de desembrulharem as prendas ingratas do apetite desenfreado para poderem encontrar a luz que as levará à deliciosa beleza interior...