Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

A hora mudou na madrugada de domingo, em todos os relógios e despertadores que conseguimos atualizar...

Hoje já/ainda é quarta-feira e foda-se nunca mais é sexta-feira para 'acordar' no cemitério local, depois de nos cruzarmos com alguém conhecido que nos (ou)viu na véspera de feriado, dizer que o Halloween é só para crianças... e adultos que querem passar despercebidos com as caras cadavéricas em dia santo!

HD Dicas para adormecer depois da mudança de hora
(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/how-adjust-your-sleep-ready-20714847)


Um consagrado professor de Medicina divulgou uma série de boas práticas que ajudam a adormecer. Entre elas, destacam-se o conselho de dormirmos de regularmente, para assim podermos continuar a fazê-lo sem dificuldade...!?!

Outra dica inovadora, ensina a escrevermos (ainda se lembram? faziam isso na escola...) as nossas preocupações num papel para depois as lermos de manhã, ao acordar, e não ter qualquer dúvida que a dificuldade para adormecer não era só um pesadelo...

São eventos como este aqui em baixo/bem ao alto que me fazem respeitar todas as culturas, independentemente da distância, do tom de pele e do tamanho da celebração...

HD Festival do Pénis.jpg

(fonte da imagem: https://mytsubo.wordpress.com/2014/02/01/festa-e-matsuri-%E3%80%80%E7%A5%AD%E3%82%8A/)

 

Honen-sai é o nome do festival religioso (!) que comemora o orgão sexual masculino no Japão e manda a tradição que levantem um andor fálico e o façam passear em procissão para todos receberem a benção e os homens consigam sempre erguer... os olhos para o ver!

 

Os visitantes rezam às monumentais estruturas fálicas para que possam ter filhos, conhecer o amor das suas vidas e ter um longo pesadelo cor de rosa (lembram-se do filme de 1998 com o Diogo Implante e a Catarina Forcado???)

 

Não há só um pénis monstruoso a sair à rua! Existem igualmente miniaturas representadas em doçuras que podemos meter à boca ou levar de recordação para oferecer a quem saboreia a tradição...