Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

A Igreja vai desenferrujar os seus portões no último fim de semana do mês!
Milhares de fiéis aguardam pacientemente, a oportunidade de poder frequentar a casa de Deus e agradecer, com orações abafadas, as orientações dadas pela Direção-Geral de Saúde...

Haverá, contudo, muitas restrições de acesso e cumprimento de severas medidas sanitárias!
Na comunhão, o sacerdote não poderá fazer a introdução da hóstia no mealheiro bocal.
Sendo assim, a medição da temperatura terá de ser realizada por um termómetro e não pelas pontas dos dedos...

Também não haverá acesso à água benta no interior da igreja. Terá que ser solicitada em versão engarrafada ou esguichada diretamente da estola para a pistola de água...


(fonte da imagem: https://nypost.com/2020/05/17/priest-squirts-holy-water-at-churchgoers-with-water-gun-at-service/)

Um padre americano encheu o cano de uma pistola de água, para golfar água benta de pressão aos fiéis que passavam de carro, não se desviando da celebração...

A medida revelou-se um tiro certeiro. Aprovada pelos médicos locais, foi implementada na Páscoa passada e só veio a público agora, uma vez que o fotógrafo ficou com as lentes molhadas...

As crianças da paróquia ficaram entusiasmadas com a ideia. Mobilizaram-se para deixar a igreja cheia... de balões de água e banhos de mangueira!

Apesar de já ter 70 anos, o sacerdote conseguiu esguichar durante toda a cerimónia...

Alguns pais estão apreensivos com o súbito interesse das crianças pela pistola do padre.
Temem que os seus filhos desvalorizem as armas de fogo que têm em casa, à sua disposição, e vão recorrer à igreja para recarregar uma munição na sacristia, antes da extrema-unção...

Toda a informação que nos tem embrulhado a face, desde a obrigatoriedade do uso de máscara, tornou-nos mais conscientes da importância de taparmos tudo o que não precisamos para ver e ouvir...

Desde que as máscaras sociais começaram a andar de 'boca em boca', têm surgido várias mutações daquela estirpe parola que alguns insistem em chamar... moda!

Cada saída à rua é um desastre de bilheteira!
Tenho-me cruzado com heróis da Marvel, ninjas ofegantes, bicos de pato e trombas de elefantes...

E como os acessórios conspiram para fazer pandan, preparem-se para despejar todos os objetos diários para uma bolsa de operações cirúrgicas...


(fonte da imagem: https://odditymall.com/giant-surgical-mask-tote-bag)

A bolsa gigante cirúrgica é a nova e a maior tendência para este Verão!

A empresa da Indonésia, responsável por esta ideia de costura cheia, revela que a bolsa é muito prática para o uso diário. Principalmente, para as mulheres que gostam de tropeçar numa alça e cair em plena rua, sempre protegidas...

Também serve de manta de consciencialização para o uso de máscara em público...

Não é aconselhável utilizá-la como saco cama, dado que o vírus pode ficar adormecido por mais que 8 horas...

Será, porventura, a melhor escolha para levar para a praia!
Permite transportar as toalhas, as tralhas e as crianças e assegura as devidas distâncias, quando estendida ao comprimento no areal...

Como são o maior grupo de risco, os idosos devem manter-se resguardados em casa, enquanto o coronavírus não decidir afastar-se da humanidade...

As bochechas das crianças deixaram de estar em risco de ruborescer. Agora que estão longe dos avós, para lhes apertar e fazer tremer até eles começarem a gritar...

Os idosos contam que o mais lhes custa no isolamento é não poder abraçar os seus netos!
Também lhes custa ficar em casa, quando gostariam de poder entrar nos transportes públicos, à hora de ponta, para encher o autocarro de perfumes e odores não classificados como pandemias...

Já não é mau poder ver as crianças pelas janelas. Mas se for possível tocar nelas, sem causar nenhum perigo, então o jazigo que espere pela próxima vaga...


(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/mum-comes-up-heartwarming-idea-22025249)

Uma mãe teve uma ideia plastificada, em que os avós podem abraçar os seus netos e serem apenas contagiados com uma doença que só o amor pode curar...

Colocou 2 manguitos de plástico, devidamente isolados numa porta que dá acesso ao exterior e transporta os abraços dos meninos para o seu interior...


Alguns vizinhos meus já utilizam, há alguns anos, uma técnica similar nas janelas. Embora eu desconfie que só o façam para não terem de substituir os vidros partidos...

As crianças não se importam com o facto de terem de esfregar a cara numa cortina de plástico.
Mas ficam um nadinha tristes de não poderem sentir nas mãos dos avós, uma notinha dobrada em papel...

O cão da minha vizinha ladra-me sempre que passo por ele!
Já lhe tentei fazer umas festas. Não correu bem, fiquei com um trabalho de manicure digno de uma quarentena...

O faro destes animais é extraordinário!
Conseguem detetar fenómenos impercetíveis aos humanos. Entre elas, destacam-se o sedentarismo dos donos...


(fonte da imagem: https://www.msn.com/en-gb/news/offbeat/can-dogs-detect-covid-19-canines-in-training-to-sniff-out-virus/ar-BB1331lm)

Já decorrem treinos intensivos com algumas raças de cães que poderão detetar o coronavírus em humanos! Antes de evidenciarem sintomas como febre, tosse ou uma súbita vontade de sair à rua por nenhum motivo aparente...

O projeto inglês pretende colocar cães treinados, nos transportes públicos. Não confundir com aqueles animais que cheiram a cavalo, mas são os únicos que não se apercebem...

O treino atual passa por cheirar amostras de Covid-19, em troco de uma gratificação comestível.
Se o plano tiver bons resultados com humanos, os agentes coruninos poderão ser recompensados com horários alargados, para poderem cheirar traseiros e agregados...

Outubro é o mês da prevenção do cancro da mama.
Inúmeras campanhas de sensibilização dão o mote, mas é o decote que aponta os holofotes para os olhos de quem precisa de estar alerta aos primeiros sintomas...


(fonte da imagem: https://kfiam640.iheart.com/content/2019-10-25-woman-wears-hidden-camera-in-bra-to-show-how-often-people-look-at-her-chest/)

Uma jovem de bons pulmões passeou-se por Nova Iorque, com um imponente par de argumentos que pretendíam relembrar as pessoas a importância de verificar com maior frequência os seus enchimentos de soutiens...

A câmera escondida registou a atenção insuflada de dezenas de pessoas. A ideia não passava por envergonhar nem por constatar que toda a gente admira uma prateleira na parte da frente...

A campanha teve uma aceitação total pelo público. Incluindo aquele que desconhecia por completo a causa, mas que nunca se importa de se perder numa regalada pausa...