Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

O uso de máscara é o assunto mais abafado das nossas vidas!
Também elas, presas por elásticos e esquecidas em bolsas cada vez mais vazias...

É o tema de conversa dominante e veio substituir as constatações sobre o estado do tempo!
A importância do frio e calor já não é o motivo pelo qual iniciamos uma conversa. Até porque é quase impossível conversar com a boca tapada e o ardor nos ouvidos de um mercador...

As recomendações dos responsáveis de saúde mudam-se amiúde, como uma máscara cirúrgica que não torna ninguém mais seguro, por desconhecer o número de infetados no futuro...


(fonte da imagem: https://www.newshub.co.nz/home/world/2020/06/coronavirus-conspiracy-theorists-give-lawmakers-the-bizarre-reasons-they-don-t-want-to-wear-masks.html)

Covidiotas preocupados em salvar as teorias de conspiração sobre o Coronavírus, justificaram aos governantes da Florida, as razões pelas quais se recusam a usar máscara e argumentos válidos...

Segundo estes especialistas de revistas, as leis de obrigatoriedade de uso de máscara foram impostas por Satanás. Entidade espiritual que não leva a mal que se ponha esse assunto atrás das costas...

Desde a defesa da liberdade de consumo de oxigénio, à epifania de génio que sugere que apenas as pessoas doentes devem usar máscara. Pelo menos, até não manifestarem mais sintomas...

A protestante mais arejada confessou que não usa máscara pelo mesmo motivo de não usar roupa interior.
Precisa de deixar respirar todas as 'covidades', para não correr o risco de asfixiar e ter de se deitar noutro buraco, onde não voltará a acordar...

Ninguém está devidamente preparado para ser despedido...
A incerteza no futuro, os bocejos intermináveis na fila do centro de emprego, a descoberta de novos templates para o currículo. Nem a memória coopera na hora de fazer login no Linkedin...

Um homem foi convocado para uma reunião de despedimento e, como podia estar acompanhado por alguém para o animar, resolveu contratar um palhaço na hora de soltar o laço...


(fonte da imagem: https://thenewdaily.com.au/entertainment/people-entertainment/2019/09/14/nz-man-brings-clown-to-redundancy-meeting/)

Os -ainda- patrões acharam a ideia brilhante!
A melhor iniciativa que o empregado chegou a ter enquanto ao serviço da empresa...

O palhaço fez pinturas faciais e bonecos com balões, durante a comunicação oficial da decisão de dispensar o trabalhador. O profissional de animação teve um desempenho fantástico e no final do circo, o ambiente ficou bem mais leve. O ambiente e, principalmente, a carteira do homem que foi despedido...

Apenas hoje, depois de investigar profundamente esta ciência, consigo pronunciar-me sobre a rumpologia, cujo prefixo me deixou a pensar que teria algo a ver com romper... tradições!

 

HD Ler o futuro no nalguedo.jpg

(imagem: http://estaticos.codigonuevo.com/wp-content/uploads/2017/08/Leen-el-futuro-en-tu-culo.jpg)

 

A vidente Sandra Amos nasceu com o dom de poder passar a vida a olhar para o cagueiro dos clientes que são como um livro da vida cujo marcador pode ser perfeitamente um fio dental...

 

A leitura nadegueira é feita da esquerda para a direita, do passado para o futuro!
No meio disto tudo, com a paciência adequada, cheira-me que pode valer-lhe um presente...

Uma educação escandalosamente alternativa, onde os filhos fazem tudo o que querem, inclusive brincar com facas, fazer tatuagens e até escolher não assistir à Patrulha Pata...

 

HD Filhos vivem sem regras.jpg

(imagem: http://i2.mirror.co.uk/incoming/article11380761.ece/ALTERNATES/s615/EMB-PROD-MAIN-FERAL-FAMILIES-HEBDEN-BRIDGE.jpg)

 

Gemma e Lewis Rawsley, deixam os seus 7 filhos, entre 1 e 13 anos, fazerem o que lhes apetece, sem uma educação escolar igual à outras crianças que têm de tomar o leitinho morno...

 

Apesar de serem muito criticados no Reino Unido, os pais defendem que apenas estão a preparar os seus filhos para o futuro sorridente com prestações brilhantes no desemprego e na delinquência...