Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Manadas de vacas montaram estacas nas praias da Córsega e expulsaram os turistas que voltaram a ler revistas, enquanto aguardam por um lugar ao solo que não esteja reservado de fresco...

A ilha francesa tem uma população de 15 mil cabeças de gado que invadem os areais à procura de erva que possa ter ficado perdida em alguma bolsa esquecida...

Apesar de terem convivido pacificamente com a população ao longo dos anos, tornaram-se cada vez mais agressivas e territoriais. A limitação na ocupação das praias, veio agravar a competição entre as vacas que escolhem o melhor pasto para as selfies do Instagram...

Um homem sofreu ferimentos num pescoço, após desrespeitar o mugido de aviso que a sua toalha não mantinha a distância de segurança para os cornos de uma vaca negacionista...

Uma idosa de 70 anos, foi igualmente atacada enquanto estendia a roupa!

Ainda tentou defender-se ao prender 2 molas nas tetas da vaca, mas a língua da meliante ainda conseguiu passar as rugas da senhora a ferro e saliva peganhenta...

Foi reportado um ataque organizado de gado que abocanhou retrovisores e para-choques de viaturas estacionadas. Foi o primeiro caso detetado de abocanhamento, ocorrido na parte de fora de um carro enterrado nas dunas...

Também já foram avistadas manadas nas zonas de restauração, fazendo vigilância ativa e não hesitando em desmontar as esplanadas, caso detetem mais pessoas que as permitidas em mesas de 4 pernas...

As vacas mais perigosas são aquelas acompanhadas pelas suas crias!

Face à presença de humanos, tendem a reprimir violentamente qualquer comentário mamário sobre os desenhos rupestres que os seus mamilos fazem na areia molhada...

Para além de uma presença corpulenta, as vacas ainda cobiçam o farnel dos veraneantes e deixam a sua fruta da época -o figo- escondido no areal, para evitar que a areia seja levada pelos turistas, entre os seus dedos dos pés...


(fonte da imagem: https://www.dailystar.co.uk/news/weird-news/aggressive-cows-take-over-french-24795227)


A sanita BeeVi converte fezes em energia eculógica e remunera os utilizadores com um pagamento digital que pode ser usado para adquirir café ou fruta, da época em que ganhar dinheiro sentado pode acontecer em qualquer mercado...

Ainda só está em funcionamento numa universidade da Coreia do Sul, onde os alunos fazem filas para ajudar o ambiente e as suas contas digitais...

Cada pessoa ganha 10 Ggool (moeda da merda) por cada libertação de cagalhão...

A tecnologia da sanita, aplica um sistema de sucção cagatória para armazenar e converter a matéria-porca em biogás e 'Vi o que comeste ontem à noite...'

Quem usa habitualmente esta sanita, não se apercebe que as fezes são aspiradas!
O sistema de aspiração tem apenas a intensidade suficiente, para manter as pessoas na sanita, o tempo estritamente necessário para fazer o depósito fecal...   

O uso de água neste sistema é praticamente inexistente!
À exceção de lavar as mãos após a usar. De momento, esse hábito ainda é para manter...

A energia produzida é convertida em eletricidade e aplicada nas cozinhas da cantina, cujo gás é relativamente fraco. Ou seja, não vale um peido...  

Em média, cada humano defeca 500 gramas por dia que podem ser convertidas em 50 litros de metano. O suficiente para gerar 0,5 kW de energia, capaz de mover um carro numa distância de 1,2 kms! Se pegarmos numa calculadora e fizermos as contas de uma deslocação até à nossa empresa, rapidamente chegamos à conclusão que não é mau, estar em teletrabalho...

(fonte da imagem: https://themindunleashed.com/2021/07/south-korean-toilet-turns-poo-into-green-energy-and-pays-its-users-digital-cash.html?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=south-korean-toilet-turns-poo-into-green-energy-and-pays-its-users-digital-cash)