Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

A reabertura de cabeleireiras e esteticistas mereceu uma especial atenção por parte da Direção-Geral de Saúde, no que respeita aos cuidados com as unhas!

Deve-se evitar pintar as unhas! Não só porque algumas cores provocam enjoos e vómitos em pacientes sãos, mas também pela acumulação de partículas virais nos esmaltes dos vernizes.
Esses pequenos fragmentos, podem ficar alojados entre a carne, a unha e mais uma testemunha dos sintomas do vírus...

Recomenda-se um tamanho curto, nunca comparável com lâminas e facas de cozinha!
As unhas curtas garantem uma maior higiene. Principalmente depois de esfregar bem as mãos, após lavar toda a loiça das refeições...

Um exemplo a não seguir, denunciar e enxovalhar, passou de mãe para filha!
Se bem que a pequena nem sequer tem dentes para roer as unhas...

1_Mum-slammed-for-putting-acrylic-nails-on-her-bab
(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/mum-criticised-parents-after-putting-21984805)

Uma progenitora malfeitora publicou uma foto onde mostra o vergonhoso trabalho de manicura, realizado nos dedos da sua filha, que ainda parecem ter tamanho para estar agarrados a maminhas...

As unhas acrílicas cortadas em forma de bailarina, estão decoradas com pedras brilhantes, purpurinas e uma delas tem o símbolo da Louis Vuitton gravado. Para ainda dar mais luxúria azeiteira ao seu pecado...

Assim que a foto apareceu na rede social Reddit, todos os utilizadores reagiram com milhares de pinturas à pistola...

Várias mães apreensivas condenaram o gesto e alertaram para a tremenda dificuldade que a criança terá para fazer o desfralde e começar a limpar o seu próprio rabinho...

Para além do mau gosto, há um perigo eminente da menina 'deitar um olho' ao que a mãe está a fazer...

Com os primeiros raios de sol a entrar nas câmeras dos smartphones, surgem novas mutações de influenciadores (entre outros animais...) a habitar os feeds das redes sociais!
Promovem produtos, usam as roupas das marcas... mas são parcas as pessoas que efetivamente conseguem subsistir das receitas que não sejam elaboradas pelas próprias mães...

 

Depois de ser esclarecido pela filha sobre o que realmente faz um influencer, um trabalhador da construção civil resolveu demonstrar que também consegue posar sem sequer deixar de trabalhar...

 

HD Trabalhador da construção civil torna-se infl

(fonte da imagem: http://www.newslocker.com/en-uk/news/uk_news/construction-worker-dad-turns-himself-into-influencer-to-prove-point-to-daughter/)

 

Aquela cinta de ferramentas poderia perfeitamente conter pincéis de maquilhagem e melhorar a imagem (como o photoshop faz...) mas isso só iria borrar toda a pintura...

 

E o maçarico da direita (não há aqui qualquer referência a um militante do PSD...) assemelha-se com o 'maçarico' que não tira o smartphone da mão e que não vale, copiosamente, um charuto...

Sempre que tenho de cortar o cabelo, com um barbeiro diferente, fico relutante e raramente confiante que irei permanecer com ambas as orelhas! A última vez que isso aconteceu, foi com um adolescente imberbe e borbulhento que -por ser o filho do barbeiro- não se lhe pode negar a oportunidade de nos marcar para a eternidade... 

 

A filha de um barbeiro de apenas 7 anos já domina a arte de cortar cabelo e manuseia as tesouras tal como um talhante o faz com o cutelo...

 

HD Menina barbeira de 7 anos de idade.jpg

(fonte da imagem: https://www.upi.com/Odd_News/2019/01/18/Seven-year-old-barber-draws-attention-at-Houston-shop/1021547827085/?rc_fifo=1)

 

Desde criança (mais nova, tipo meses, talvez um ano ou dois...) que observava minuciosamente o trabalho do pai e não tardou em deixar de fazer marrafas às Barbies para se aventurar a tosquiar o cabelinho a Kens de carne e osso...

 

Nenhum cliente se queixou do trabalho e ninguém se corta de ser atendido pela Pequena Barbeira.
Só a Segurança Social daquela cidade anda a cortar no controlo do trabalho infantil...

Podia perfeitamente abrir aqui um separador sobre peripécias em compras no Ikea.
Mesmo que todos contribuíssemos com algumas peças... iria ser sempre difícil de montar! 

 

A peça de hoje envolve pessoas que valorizam excessivamente os tupperwares (o que eu fui escrever...) e uma ida à prisão de pai e filha que quase levaram na marmita...

 

HD Presos ao comprarem tupperwares no Ikea.jpg

(fonte da imagem: http://www.lessentiel.lu/fr/news/grande_region/story/en-prison-a-cause-de-tupperware-ikea-29907987

 

Não picaram a embalagem dos tupperwares numa caixa self-service, foram detidos em flagrante de litro e tiveram direito a uma visita à cadeia onde quase ficaram hermeticamente fechados...

 

Agora começo a entender por que é que a minha mãe me pergunta dezenas de vezes se eu tenho em minha casa um tupperware ajeitadinho, com uma tampa azul marinho...

As visitas a presidiários promovem comportamentos temerários de familiares e amigos que incorrem em castigos, quando trazem da cadeia algo mais que a saudade...

 

Não se emocionem, esta não é uma daquelas histórias que passam nos programas da tarde onde toda a gente está inocente. Ou arrependida! Talvez temporariamente esquecida...

 

HD Soutien com mensagens escritas saídas da pris

(fonte da imagem: https://www.jn.pt/mundo/mundo-insolito/interior/detida-por-tentar-sair-da-prisao-com-mensagens-escritas-no-sutia-9854112.html)

 

Uma mulher brasileira foi detida ao sair da cadeia com mensagens escritas, nas copas do sutiã, pela sua filha poeta, mais discreta que a sua mãe estafeta...

 

Não fiz zoom na imagem para tentar ler a mensagem, mas fiquei contente por saber que a mãe não tirou o soutien... para dar de mamar à filha!