Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Ainda esta semana aconselhei uma colega de trabalho a levar na marmita!
Isto podia soar mal, mas foi um conselho saudável para deixar de comer sandes todos os dias. O seu corpo agradece e o estagiário que tem de limpar as migalhas que se barricam nos teclados, também...

 

Um estudo britânico apurou que um trabalhador apenas pára 34 minutos para almoçar, durante a hora completa que dispõe para matar a fome do Facebook e saciar a sede das stories no Instagram...

 

HD Pausa de almoço cada vez mais curta.jpg

(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/how-many-minutes-hours-days-16281639)

 

Esta tendência de diminuição da pausa efetiva de almoço está diretamente ligada à poupança e tenho de escrever aqui saúde também? que a cultura da marmita proporciona a quem já não tem de sair do trabalho/levantar-se sequer para almoçar...

 

São cerca de 12 dias de férias anuais que podemos somar às horas extraordinárias e oferecer aos nossos patrões como prova de fidelidade e compromisso para com a empresa que nos assegura a subsistência e ausência de vida própria...

O cego sexismo visita pontualmente este blog e é cordialmente recebido com insultos motivadores que o aconselham a fazer uma viagem... de volta ao século XIX!!!

 

 Qual é a vossa opinião sobre as colaboradoras de uma empresa que usam invariavelmente saias curtas, vestidos com menos pano ou decotes que fazem lembrar as máquinas antigas de picar o ponto???

 

Consideram que o fazem uma vez que estão no seu pleno direito de usar o que o dress code da empresa não menciona, pelo facto de obterem melhores resultados (na tabela mensal de assédio sexual...) profissionais ou somente para se habilitarem a um bónus de €1,37/hora pago por uma empresa russa às suas funcionárias que usem menos roupa e mais make up???? 

 

HD Empresa paga bónus a mulheres que usem saias e

(fonte da imagem: https://www.news.com.au/lifestyle/fashion/company-slammed-for-paying-female-staff-to-wear-skirts/news-story/3d1d0ce86e686666f6726ff712218a32)

 

De realçar que a mesma empresa, também promove competições amigáveis em troca de dinheiro para homens. Tais como concursos de flexões e incentivos pecuniários para sacudir a pressão a quem lave as mãos depois de urinar...

Kama Sutra + IKEA = Dói só de pensar que a montagem dos móveis pode demorar, ainda mais tempo...

 

A empresa sueca volta a marcar posição (.!.) no mercado mobiliário doméstico ao lançar um manual de Kama Sutra que promete refrescar os cantos do quarto e garantir a satisfação de todos os amantes. De quartos. Onde se dorme e arruma a roupa. Acho que é isso...

 

HD Kama Sutra do Ikea.jpg

(fonte da imagem: https://www.dailymail.co.uk/femail/article-6794495/Ikea-launches-version-Kama-Sutra-sex-manual-spice-bedroom-design.html)

 

Apesar de parecer uma bíblia da Marvel, não se coíbe de sugerir novas abordagens ao doggy style, ao beliche sem caniche e até ao armário arejado sem espaço para um príncipe encantado...

 

Por regra, as imagens fazem com que seja fácil de montar. Mas quando temos os parafusos a menos na mão, nunca há espaço para espetar o martelo sem danificar as dobradiças... 

Chegou-me (nenhum sujeito em concreto...) ao ouvidos que não estou a incomodar ninguém, ao associar esta notícia, sobre o término do casamento, ao juíz Neto de Moura. Ainda não ouvi o suficiente sobre este tema. O suficiente compreende, neste caso anacrónico de dimensões bíblicas, o rebentamento de ambos os tímpanos...

 

Um outdoor em Nova Iorque, que apela ao serviços de uma empresa de divórcios, está a gerar controvérsia de dedo em riste, anelada abaixo do nó de uma autoestrada...

 

HD Outdoor de apelo ao divórcio com gesto controv

(fonte da imagem: https://www.nbcnewyork.com/news/local/Albany-New-York-We-the-People-Divorce-Billboard-of-Middle-Finger-Turning-Drivers-Attention-Away-From-the-Road-506764241.html)

 

Estará o anel no sítio errado ou o dedo maior mal esticado???

 

Ao contrário da violência doméstica, o preço de um divórcio tem um valor 'estimado'!
Há sempre alguém que não quer ser ajudado. Todavia, o Estado do casamento continua a não dar alento e esperanças a quem gostaria de criar as suas crianças...  

Numa sociedade agitada como a nossa, escasseam as horas livres para a limpeza da casa.
Quem tem poder económico, contrata uma empregada. Quem não pode pagar uma, não convida ninguém lá a casa tem de vergar a mola, agarrar-se ao tubo do aspirador e esfregar todos os seus cantinhos mais sujos...

 

Um entrepreneur (quem nem roupa -qual fato!- tem de usar...) resolveu montar o seu próprio negócio de limpeza ao domicílio e não falta gente a querer que ele lhes lamba lave as carpetes e faça uma arrumação (muito) profunda ao sotão...

 

HD Limpezas a nú.jpg

(fonte da imagem: http://www.newslocker.com/en-uk/news/uk_news/rise-of-the-naked-cleaner-meet-the-home-helps-who-tidy-your-home-in-the-nude/)

 

O Daniel apresenta-se em casa dos clientes com a farda sempre limpa. Cobra cerca de 35 euros à hora e até agora ninguém se queixou do serviço do noviço...

Leva o seu próprio material de limpeza e é solicitado por homens solteiros, mulheres divorciadas, casais aos pares (!?), padres com sacristias imundas, freiras de capelas cobertas de teias de aranha e até alguns sem-abrigo, nos dias em que fazem almoços de família. Ao ar livre...