Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Ninguém está devidamente preparado para ser despedido...
A incerteza no futuro, os bocejos intermináveis na fila do centro de emprego, a descoberta de novos templates para o currículo. Nem a memória coopera na hora de fazer login no Linkedin...

Um homem foi convocado para uma reunião de despedimento e, como podia estar acompanhado por alguém para o animar, resolveu contratar um palhaço na hora de soltar o laço...


(fonte da imagem: https://thenewdaily.com.au/entertainment/people-entertainment/2019/09/14/nz-man-brings-clown-to-redundancy-meeting/)

Os -ainda- patrões acharam a ideia brilhante!
A melhor iniciativa que o empregado chegou a ter enquanto ao serviço da empresa...

O palhaço fez pinturas faciais e bonecos com balões, durante a comunicação oficial da decisão de dispensar o trabalhador. O profissional de animação teve um desempenho fantástico e no final do circo, o ambiente ficou bem mais leve. O ambiente e, principalmente, a carteira do homem que foi despedido...

Podia perfeitamente ser mais um caso de curso falso com diagnóstico reservado em Portugal...

Não. Este assunto tem apenas a ver com um médico australiano que exerceu a profissão durante 11 anos sem qualquer formação em medicina. Trabalhou num talho, mas não é bem igual...

 

115436784_0.jpg

(imagem http://images.mentalfloss.com/sites/default/files/styles/article_640x430/public/115436784_0.jpg)

 

Passou por 4 hospitais públicos sem ninguém se aperceber que tinha um currículo falso e uma bata de merceeiro!

 

A sua credibilidade como médico chegou a ser posta em causa, mas a dúvida desaparecia sempre que pedia aumentos ou não comparecia a cirurgias por estar a exercer em clínicas privadas...