Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Em pleno desconfinamento, há um retrocesso de desenvolvimento evidente em crianças que estavam a largar o colo da mãe, a chupeta da Chicco e os primeiros cocós fora da fralda...

O reingresso nas atividades escolares terá de ser acompanhado de perto, com uma atenção ainda maior do que a proximidade de outras famílias da nossa toalha de praia...

Desde dificuldades de comunicação ao desenvolvimento motor, existe outro fator que pode perfeitamente expor a falta de autonomia castrada pelo progenitor...

Assim como a necessidade aguça o engenho, o empenho e a dedicação de uma criança podem trazer a esperança a um país, cujos pais, sabem educar um petiz...


(fonte da imagem: https://www.novinite.com/articles/204769/9+Years+Old+Boy+From+Kenya+Receives+an+Honor+Award+for+His+Creativity)

Um menino de 9 anos, nascido no Quénia, recebeu uma vénia e um prémio do seu presidente, pela construção de um mecanismo engenhoso para uma lavagem de mãos sanitária...

Com apenas um pedal de madeira, concebeu uma maneira de se poder lavar as mãos, com água e sabão, sem a preocupação de tocar em nada para além da outra mão lavada!

A máquina de lavagem manual tem um custo de materiais a rondar 30 euros!
Por esse valor quase que poderia comprar um kit de máscara e desinfetante em gel...

Teve a brilhante ideia, depois de ver as pessoas em dificuldades a tentar lavar as mãos.
O tempo de construção do aparelho foi cerca de 6 episódios de duração da Patrulha Pata...

O dispensador de água e sabão foi construído com a ajuda do pai, uma vez que o menino era demasiado inexperiente no manuseamento de material de corte, ferramentas de mecânica e comandos da PlayStation 4...

Os protestos em Minneapolis, resultantes do horrendo homicídio de George Floyd, causaram inúmeras dificuldades nas famílias donas de pequenas lojas que foram destruídas indiscriminadamente.

Também causaram um ontem apagão nas redes sociais. Por vezes, só conseguimos sair das trevas quando não temos luz (no smartphone), nem uma tocha acesa nas mãos...

A destruição atingiu vários blocos contíguos à esquadra de polícia da cidade.
Teorias de que possa ter sido incitada por apoiantes da supremacia (da Casa) branca, são tão credíveis como uma esperança que o racismo jamais irá sufocar com o joelho...

A solidariedade e entreajuda na comunidade, são a base oculta de uma revolução aclamada que tem sido quase igualmente tele visionada...


(fonte da imagem: https://www.insider.com/minneapolis-food-drive-middle-school-community-donations-2020-5

As crianças do Ensino Básico de uma escola em Minneapolis, fizeram um pedido de angariação de 85 kits de alimentação e receberam vários milhares de donativos que vão entupir todos os abrigos...

A entrega de alimentos criou longas filas de trânsito até à entrada da escola.
Criou igualmente laços entre pais que buzinaram na multidão. Somente para serem reconhecidos por outros que desvendaram a sua identidade, ao segurar a máscara na mão...

O kit de alimentos pedido era composto por pão, cereais e maçãs!
Receberam toda a diversidade inimaginável, incluindo detergentes para todos os gostos.
Ainda há quem goste de dar, limpar e ajudar a lavar toda a porcaria que os outros fazem...

Ao terem conhecimento das carências e dificuldades de algumas crianças, vários pais disponibilizaram-se igualmente, para dar abrigo a quem ficou sem teto.
Os responsáveis da escola agradeceram, mas não tinham recebido nenhum pedido de famílias que ficaram sem-abrigo. Depois dos protestos, ainda não...

A Igreja vai desenferrujar os seus portões no último fim de semana do mês!
Milhares de fiéis aguardam pacientemente, a oportunidade de poder frequentar a casa de Deus e agradecer, com orações abafadas, as orientações dadas pela Direção-Geral de Saúde...

Haverá, contudo, muitas restrições de acesso e cumprimento de severas medidas sanitárias!
Na comunhão, o sacerdote não poderá fazer a introdução da hóstia no mealheiro bocal.
Sendo assim, a medição da temperatura terá de ser realizada por um termómetro e não pelas pontas dos dedos...

Também não haverá acesso à água benta no interior da igreja. Terá que ser solicitada em versão engarrafada ou esguichada diretamente da estola para a pistola de água...


(fonte da imagem: https://nypost.com/2020/05/17/priest-squirts-holy-water-at-churchgoers-with-water-gun-at-service/)

Um padre americano encheu o cano de uma pistola de água, para golfar água benta de pressão aos fiéis que passavam de carro, não se desviando da celebração...

A medida revelou-se um tiro certeiro. Aprovada pelos médicos locais, foi implementada na Páscoa passada e só veio a público agora, uma vez que o fotógrafo ficou com as lentes molhadas...

As crianças da paróquia ficaram entusiasmadas com a ideia. Mobilizaram-se para deixar a igreja cheia... de balões de água e banhos de mangueira!

Apesar de já ter 70 anos, o sacerdote conseguiu esguichar durante toda a cerimónia...

Alguns pais estão apreensivos com o súbito interesse das crianças pela pistola do padre.
Temem que os seus filhos desvalorizem as armas de fogo que têm em casa, à sua disposição, e vão recorrer à igreja para recarregar uma munição na sacristia, antes da extrema-unção...

Toda a informação que nos tem embrulhado a face, desde a obrigatoriedade do uso de máscara, tornou-nos mais conscientes da importância de taparmos tudo o que não precisamos para ver e ouvir...

Desde que as máscaras sociais começaram a andar de 'boca em boca', têm surgido várias mutações daquela estirpe parola que alguns insistem em chamar... moda!

Cada saída à rua é um desastre de bilheteira!
Tenho-me cruzado com heróis da Marvel, ninjas ofegantes, bicos de pato e trombas de elefantes...

E como os acessórios conspiram para fazer pandan, preparem-se para despejar todos os objetos diários para uma bolsa de operações cirúrgicas...


(fonte da imagem: https://odditymall.com/giant-surgical-mask-tote-bag)

A bolsa gigante cirúrgica é a nova e a maior tendência para este Verão!

A empresa da Indonésia, responsável por esta ideia de costura cheia, revela que a bolsa é muito prática para o uso diário. Principalmente, para as mulheres que gostam de tropeçar numa alça e cair em plena rua, sempre protegidas...

Também serve de manta de consciencialização para o uso de máscara em público...

Não é aconselhável utilizá-la como saco cama, dado que o vírus pode ficar adormecido por mais que 8 horas...

Será, porventura, a melhor escolha para levar para a praia!
Permite transportar as toalhas, as tralhas e as crianças e assegura as devidas distâncias, quando estendida ao comprimento no areal...

Como são o maior grupo de risco, os idosos devem manter-se resguardados em casa, enquanto o coronavírus não decidir afastar-se da humanidade...

As bochechas das crianças deixaram de estar em risco de ruborescer. Agora que estão longe dos avós, para lhes apertar e fazer tremer até eles começarem a gritar...

Os idosos contam que o mais lhes custa no isolamento é não poder abraçar os seus netos!
Também lhes custa ficar em casa, quando gostariam de poder entrar nos transportes públicos, à hora de ponta, para encher o autocarro de perfumes e odores não classificados como pandemias...

Já não é mau poder ver as crianças pelas janelas. Mas se for possível tocar nelas, sem causar nenhum perigo, então o jazigo que espere pela próxima vaga...


(fonte da imagem: https://www.mirror.co.uk/news/weird-news/mum-comes-up-heartwarming-idea-22025249)

Uma mãe teve uma ideia plastificada, em que os avós podem abraçar os seus netos e serem apenas contagiados com uma doença que só o amor pode curar...

Colocou 2 manguitos de plástico, devidamente isolados numa porta que dá acesso ao exterior e transporta os abraços dos meninos para o seu interior...


Alguns vizinhos meus já utilizam, há alguns anos, uma técnica similar nas janelas. Embora eu desconfie que só o façam para não terem de substituir os vidros partidos...

As crianças não se importam com o facto de terem de esfregar a cara numa cortina de plástico.
Mas ficam um nadinha tristes de não poderem sentir nas mãos dos avós, uma notinha dobrada em papel...