Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

O frio que se sente no inverno é sessenta vezes maior quando alguém se senta na sanita...

Entre o conforto de estar sentado ou sentir o nalguedo gelado, há um salpico acre que nos convence a não tentar usar o robe ao contrário...

Existem coberturas e tampos de sanitas para pessoas menos aflitas, mas depois do primeiro uso é um abuso olfativo voltar a col(oc)á-las no interior das nossas coxas...


(fonte da imagem: https://www.dailystar.co.uk/news/weird-news/japanese-loos-say-hello-warm-23371604)

As novas sanitas japonesas 'dizem olá' a todas as certezas que temos ao querer passar mais tempo a fazer as necessidades fisiológicas, combatendo as adversidades meteorológicas como o frio e os aguaceiros, vindos de baixo para cima...

Basta levantar a tampa, para a sanita 'dizer olá' e 'sinta-se à vontade para soprar de todas as formas que consiga'...

Brilham no escuro, da mesma forma que nós brilhamos ao deixar entrar alguma claridade pelo portão onde nem um feijão costuma poder entrar...

Podem ser previamente aquecidas à temperatura desejada e são programadas para fazer a descarga ainda antes da entrada de ar pelas nossas trémulas narinas...

São a tecnologia de ponta (à ponta) mais procurada desde a 2ª ou 3ª (em qual é que vamos?) vaga da pandemia!

Conseguem medir a pressão arterial, o nível de açúcar e gordura corporal! Têm alguma margem de erro devido à dificuldade de distinção entre jogas, troncos, barro e lava porcelânica...  

O plano de vacinação mundial continua a espetar esperança na humanidade que não se importa de arregaçar só uma manga, desde que não tenha de despir a camisa, acabada de passar a ferro...

Os efeitos secundários das vacinas já são conhecidos por todos os negacionistas que se recusam a colaborar, fornecendo mais dados relevantes aos profissionais de saúde...

Para quem ainda não está muito convencido da importância da vacina, fica uma sugestão que pode acalmar as dúvidas e ambientar a casa, sem a utilização de incenso embalado...


(fonte da imagem: https://www.globaltimes.cn/page/202101/1211909.shtml)

Uma organização americana, defensora do consumo de marijuana, acendeu uma iniciativa que visa oferecer cannabis a quem aceite ser vacinado contra o coronavírus, entre outras doenças que nem sempre nos vêm à memória...

O projeto chama-se 'Joints for Jabs' que em português significa, não fumes tudo sozinho...

A ideia agradou a muitos céticos da vacinação, particularmente àqueles que passaram a saber que são necessárias 'duas passas' para a vacina fazer efeito?!

A mesma organização planeara, para a tomada de posse de Joe Biden, a oferta de 10 mil charros para garantir novo nevoeiro ecológico em torno do capitólio!
Como é óbvio, a ideia foi guardada num saco, pois os charros seriam enrolados com a saliva de ativistas que testam positivo para todos os controles de droga no sangue...

O protesto tem sido criticado pela falta de sentido de oportunidade no meio da pandemia!
Não se deve misturar a legalização da cannabis com a vacinação da Covid-19, até porque a cannabis não deve ser inoculada na corrente sanguínea de quem nunca acendeu a luz, num quarto em isolamento profilático...

Os desenhos animados podem exercer muita influência no comportamento das crianças!
E dos adultos também!  Assim que foi informado o fim do Ruca, ao fim de 20 anos de emissão, milhares de pais americanos festejaram a notícia, como se de uma invasão ao capitólio se tratasse...

As crianças já não valorizam e idolatram os heróis da animação! Seguem outros vídeos sugeridos nos dispositivos móveis e confundem facilmente os Superwings com os transformers que apresentam os reality shows das estações nacionais...


(fonte da imagem: https://www.tellerreport.com/life/2021-01-08-%0A---%22john-dillermand%22--danish-children-s-series-causes-trouble-with-a-giant-penis-%0A--.HySqjSg8AP.html)

John Dillermand é o nome de uma série animada dinamarquesa, para crianças dos 4 aos 8 anos, onde o protagonista tem uma bigodaça normal e um genital colossal que o ajuda a realizar todas as tarefas que exigem o uso natural, dos membros superiores...

O personagem é tipo o Homem Elástico, dos Fantastic 4, mas tem sempre as mãos livres para poder desempenhar as ações mais complicadas, como coçar o nariz ou pentear o bigode...

Alguns pais acreditam ser apenas uma brincadeira inocente, mas a maioria da população está indignada com a transmissão da animação promove a misoginia e o desleixo em enrolar a mangueira, após regar o quintal por aparar...

O termo Dillermand significa, literalmente, homem pénis! Para que não se pense que o apêndice do senhor barrigudo, possa ser, um hemorroidal muito bem-educado...

A série é realmente educativa e não demonstra nenhum tipo de sexismo!
Há uma cena onde uma senhora aconselha o John, a manter o seu braço extra, dentro do seu fato de banho e ele respeitosamente, dá à manivela para levar a anaconda ao seu ninho...

Desligadas das críticas, as crianças adoram a série e pedem aos pais para assistirem em família!
Apenas não compreendem porque é que o pai, tem de se levantar do sofá, para ir à casa de banho...

A crise pandémica de saúde pública levou muita gente a virar-se para a igreja!
Também já levou muita gente aos hospitais e centros de emprego, mas isso pode facilmente constatar-se nas missas diárias dos telejornais...

O percurso inverso já não é muito comum, a não ser naqueles casos em que os padres saem da igreja para dar a extrema unção ao domicílio ou dão uso ao seu utensílio que está bem protegido debaixo da batina...

nikole mitchell_540.jpg
(fonte da imagem: https://247newsaroundtheworld.com/news/former-church-pastor-now-makes-100k-a-month-as-life-coaching-stripper/)

Nikole Mitchell era uma pastora que agora se converteu numa sedutora e deixou de fazer peditórios na missa, para cobrar uma mensalidade a quem deseja conhecê-la de verdade...

Os fiéis da igreja local não lhe perdoaram a traição e fazem questão de segui-la nas redes sociais, para mostrar a todos os crentes que rangem os dentes durante a homilia...

Apenas faz sessões fotográficas como Deus a trouxe ao mundo!
Não é atriz pornográfica. Ainda! Pelo menos, enquanto o seu agente (Covid-19) não achar seguro...

Desde pequena que tinha o sonho de ser stripper. Contudo, a sua educação nunca lhe deu a liberdade e a determinação para subir ao altar onde tem de receber para lá ficar a dançar...

Mãe de 3 filhos e divorciada, descobriu a sua verdadeira vocação quando assistiu a uma representação teatral LGBTQ+, que a fez ver a luz e acender a vela que ninguém consegue ver por cima das roupas...   

Assume-se como bissexual e pansexual. Para quem ainda não sabe o que este último termo significa, sugiro a entrar na sua conta do OnlyFans. Ela dá explicações particulares, por apenas 15 dólares mensais...

A América do Sul é o novo epicentro da pandemia do (mesmo) Coronavírus!
O Brasil é o principal anfitrião duma catástrofe em proporção amazónica...
Nos restantes países sul americanos, os danos têm sido geridos com uma política mais responsável que a brasileira. Não é difícil, mas uma fronteira permite o contágio sem barreira...

A Colômbia tem recuperado lentamente, embora tenha os seus produtos cotados ao preço da chuva.
E como todos sabemos, a neve colombiana é bem mais valiosa...

A indústria tem retomado a produção e optado por medidas controversas. Muitas delas envolvem tapetes persas, entre a cama e o posto de trabalho...


(fonte da imagem: https://uk.reuters.com/article/uk-health-coronavirus-colombia-manufactu/colombian-factory-adds-bedrooms-for-workers-as-economy-slowly-reopens-idUKKBN2322HI)

Uma fábrica na Colômbia, implementou a colocação de camas no local de trabalho, para que os seus empregados façam um confinamento, com algum rendimento...

Têm o consentimento expresso de todos os trabalhadores, que preferem ficar na empresa do que na incerteza que a internet de casa falhe, durante uma videoconferência...

Em causa, está a saúde e segurança dos seus filhos. A maioria dos empregados tem medo de trazer o vírus para casa, entre algum trabalho suplementar...

Como muitos pais não têm quem tome conta dos filhos, alguns acabam por ficar sozinhos. Ficando vulneráveis às influências traumáticas da Telescola. Também a raptos de gangs...

Tal como na origem da pandemia, a China foi pioneira neste expediente prolongado!
A maioria dos chineses sempre esteve (habituado) a trabalhar enquanto dormia... vá lá, um bocado!