Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos



Alcotraz é o nome de um bar em Londres, onde os clientes podem tornar-se presos por umas horas! Talvez mais algum tempo se exagerarem nos cocktails e tiverem de ficar uma noite a dormir, contra a sua vontade de permanecerem sóbrios...

O nome do bar é inspirado na famosa penitenciária americana Alcatraz, onde ficaram detidos muitos traficantes de álcool, no tempo da Lei Seca, em que o contrabando na América ainda não era devidamente explorado pelas drogas recreativas e o tráfico humano...

A experiência atrás das grades (de cerveja) é de fazer inveja, a todos os países onde os bares só podem ficar abertos até às horas em que os clientes se começam a abrir todos...

Os clientes introduzem clandestinamente álcool nas celas, com o consentimento dos guardas que não fazem revistas corporais. Sem receberem uma gorjeta prévia...

Não existe menu de bebidas. Cada cliente pede o cocktail que desejar, atendendo à variedade de álcool disponível no estabelecimento. A bebida mais solicitada tem o nome monárquico francês Doqu'ouver...

Todos os presidiários têm de vestir fatos de macaco cor de laranja. Não há outra cor disponível.
Isto é um bar de presos! Não é uma oficina de mecânica, nem um spin-off da Casa de Papel...

Os fatos de macaco são devidamente desinfetados antes de serem usados por outros clientes.
Assumindo que o cliente anterior tenha virado alguma vodka no seu fato...

As celas são recreadas ao máximo pormenor, onde a sujidade nas paredes e sanitas parece real.
Até o chão peganhento dá a sensação sensorial que estamos mesmo a pisar álcool entornado...

É o local ideal para festas de aniversários e despedidas de solteiros!
Os convidados podem ficar presos, sem terem de sair do bar, entrar no carro e soprar ao balão numa operação STOP...

(fonte da imagem: https://www.alcotraz.co.uk/locations/shoreditch/#booknow)

A retoma das celebrações religiosas têm tranquilizado muitos fiéis que só usam os seus anéis para se deslocar para a igreja...

Não obstante, vários devotos lamentam-se que as igrejas parcialmente vazias, não permitem concluir que a ausência de vizinhos e familiares, se deva ao facto da limitação da lotação do espaço...

A obrigatoriedade do uso de máscara tem contribuído para uma maior qualidade dos cantos da eucaristia. Coros de várias paróquias sugerem que esta medida permaneça após a pandemia...

Mas o atraso na reabertura das cerimónias em alguns países, tem convertido a casa de Deus em casas de pasto e bares de alegre repasto...


(fonte da imagem: https://www.thesouthafrican.com/news/offbeat/churches-get-past-lockdown-laws/)

Um pastor duma igreja na Argentina, trocou a batina por um avental ao transformar a igreja num bar para poder pregar e servir shots de vinho sacramentado...

Revoltado com as decisões controversas do governo, resolveu converter a sua igreja num bar que pode ter as portas abertas, desde que consiga servir as bebidas certas...

Apesar de ter gerado muitas dúvidas nas paroquianas, esta remodelação conseguiu mobilizar muitos maridos que voltaram a entrar numa igreja, após vários anos de abstinência...

O espaço cumpre todas as regras sanitárias e todas as mesas são desinfetadas várias vezes ao dia.
Principalmente quando bebidas como vodka, são entornadas nas bocas e no balcão...

Toda a comunidade apoiou a decisão do pastor e uniu-se para ajudar nas celebrações!
Muitos alcoólicos disponibilizaram-se para serem acólitos e não faltam voluntários sequiosos para rezar salmos, 'botar o terço' e improvisar homilias a cada nova rodada...

Típica cena de filme americano. Um anão vestido com fato de Carnaval para criança super herói, capacete devidamente colocado para ser projetado e uma plateia de homens alcoolizados que só levanta o ego num ambiente cego, onde só quem paga consegue espetar o prego...

Aposto que não é preciso ser do Benfica para querer fazer uma festa naquela ‘lingerie’ encarnada!
O anão é o Super-Homem ali ensandwichado que está a ser pago para levantar direito o seu membro sem dedos. O braço direito: assim é que é!!!

HD Aluguer de anões para despedidas de solteiro.j
(fonte da imagem: https://www.voxtravel.com/stag-weekends/prague/midgetdwarf-hire-3/)

Um estabelecimento noturno em Benidorme está a ser investigado por ter colocado um anúncio à porta que permitia alugar anões para despedidas de solteiros e outras festas menores. Também vende bolinhos de bacalhau em miniatura e minis... 

O delito de alugar um pequenito é um crime de ódio contra portadores de deficiência!

O dono do bar defendeu-se nas redes sociais, alegando que os funcionários de farda XXS eram bem remunerados, mas foram entretanto dispensados por necessidade de fazer cortes no pessoal...

Finalmente, uma excelente ideia que devemos adotar em todas as casas e nos espaços públicos do nosso país!
Não me refiro ao casamento real do príncipe Harry e da atriz Meghan Markle, mas sim a um tal de Bronco de Carvalho e aos Globos de Ouro. Pois... é verdade, ninguém falou sobre essa gala de passadeira encornada por todas as figurinhas de novelas que já se arrastam fora dela... 

 

HD Aqui não se fala do casamento real....jpg

(fonte da imagem: http://www.ladbible.com/community/uk-pub-declares-itself-royal-wedding-free-zone-20180518)

 

Um pub britânico multa todos os clientes que falem sobre o casamento real e o montante arrecadado reverte para instituições que nada têm a ver com copos e casamentos...

 

A dona do bar diz que não tem nada contra o casamento, mas já ouviu falar tantas vezes sobre o mesmo assunto que entrou em desespero e já considera tornar-se sócia do Sporting...

Prioridades!
O homem tende, à mais pequena contrariedade, desistir do plano inicial, daquela motivação nobre que o leva a sair de casa (sem pressões da mulher e/ou filhos...) para esquecer-se das enxaquecas em... copos, garrafas e canecas!

 

HD Atropelado por um autocarro.jpg

(imagem: http://www.telegraph.co.uk/content/dam/video_previews/c/0/c0otvxyje6fckllcun8dna31rtw77kj-large.jpg)

 

Um britânico foi violentamente varrido por um autocarro e levantou-se naturalmente, dirigindo-se para o bar como se fosse aquela pancadinha nas costas a indicar-lhe o caminho...

 

Mesmo que o empurrão para os nossos sonhos, seja o atropelamento de um autocarro, não há motivo para não apanhar a verdadeira carroça...