Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Hetero Doméstico

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Insólitos insuflados com humor gourmet contrafeito e outros pitéus domésticos

Quase todos nós achamos que as bombas de gasolina são locais pouco auspiciosos, onde podemos encontrar algumas figuras pouco simpáticas cujos acessórios nem sempre estão completamente à vista...

 

O artista arejado aí em baixo, entrou desnudado num posto de abastecimento de combustível... já com a ponteira da mangueira espetada na entrada do seu respetivo depósito!

 

HD Homem nú entra em bomba de gasolina para tirar

(fonte da imagem: http://metro.co.uk/video/naked-man-shouts-help-hes-got-sex-toy-stuck-him-1666904/)

 

Sacudindo o nalguedo, para expulsar o brinquedo... foi gritanto para alguém lhe chamar uma ambulância!

 

De acordo com fontes policiais, o amigo do dildo tem problemas mentais... o que pode explicar obviamente o facto de ter pedido auxílio num sítio onde quem o frequenta precisa de ajuda, todas as semanas, só para lá chegar...

Os jogadores de futebol empenham-se seriamente na sua profissão, deixando em campo sangue, suor, lágrimas e... desta vez, um líquido não reconhecido pelas federações desportivas!

 

HD Jogador é expulso por urinar em campo.jpg

(imagem: http://cdn.newsapi.com.au/image/v1/2c33fb31466f9f052a9a447a603a6e39)

 

Um guarda-redes inglês foi expulso do terreno de jogo por estar a regar uma zona do campo com a sua própria torneira...

 

Poucos se aperceberam desta manobra de bexiga, mas o árbitro não tolerou a encharcadela de pequena área e obrigou o incontinente a recolher a mangueira ao balneário...

Regar o jardim é tremendamente terapêutico.
Desenrolar a mangueira, abrir a torneira e espalhar água desenfreadamente dá-me uma sensação de relaxamento (praticamente) única.

 

imagesOPANEWM5.jpg

 

Infelizmente, desde a última visita da polícia à minha casa passei a usar o regador. Foi o meu vizinho que ligou para o 112 dizendo que alguém estava a ser atacado por uma jibóia. Não guardei rancores e agora somos boas amigas, desde que ela fique enroladinha e presa à jante na parede.

 

A minha namorada, nas nossas brincadeiras intímas, às vezes pede-me para usar a farda de bombeiro.
Menos as calças.
Nesse cenário, usa ela a mangueira. Como está atada à cinta dela, até me sinto confortável. Com as joelheiras.